Uma História de Referência

Fundada em Outubro de 1971 a Roques, Comércio de Veículos e Serviços, Lda. hoje Roques, Comércio de Veículos, Equipamentos e Serviços, S.A. (RCVES, S.A.) é uma empresa desde a sua fundação vocacionada para a distribuição, comercialização e após venda de veículos e equipamentos de transporte.
Líder, então e hoje, de mercado em comercialização de ralentizadores electromagnéticos (vulgo travões eléctricos) é recomendada pela indústria rodoviária de mercadorias e pelas suas representações de semi-reboques dos mais diversos tipos adaptados à grande maioria das necessidades do mundo transportador.
Roques, S.A. representa e distribui conhecidas marcas europeias de que se destacam a FRUEHAUF,  CHEREAU,  COBO, WIELTON, BENALU,  BARYVAL e representa ainda TELMA,  MARREL,  MAREL,  BPW,  EDBRO,  HALDEX e GIGANT.

Roques, CVES, S.A. presta serviços oficinais aos veículos e equipamentos que distribui e realiza outros serviços nomeadamente dos quais destacamos:

-Equilibragem e fabrico de transmissões e Pisos Móveis
-Pintura e rotulagem diversas
-Desempanagem a frio de chassis e ou caixas de carga (aço ou alumínio) em banco de ensaio CHIEF com força até 40 toneladas por torre.
Detém ainda as respectivas instalações nas zonas industriais de Santarém e Maia.

Ainda na Roques, CVES, S.A. fabricam-se caixas de carga em aço e alumínio com a marca registada ROCTRAILER. A Roques lidera os mercados nacionais de semi-reboques integralmente construídos em alumínio e pisos móveis hidráulicos.

Anteriormente, em 1926, uma corajosa decisão de José Roque Dias, natural do Fundão e funcionário da Carris em Lisboa, viria a modificar a realidade rodoviária do Ribatejo, bem como a vida de muitos dos habitantes da região. Em causa estava a inauguração da primeira carreira de transporte de passageiros, entre Santarém e Alqueidão do Mato, precedendo a fundação da empresa “ Roque e Alcobia” que viria, anos mais tarde, a originar a “ Camionagem Ribatejana, Lda”.

Segundo os registos da época, são muitas as obras que assinalam o espírito empreendedor desta empresa e do seu fundador, bem como os serviços prestados, tanto aos colaboradores, como às populações. Disso são exemplo, o financiamento da melhoria das estradas ou até mesmo a sua construção – muitas vezes em parceria com as próprias populações – facultando assim a circulação de carreiras em percursos rurais, bem como a criação de um fundo próprio de previdência, com vista a garantir a assistência social aos seus trabalhadores. Ressalte–se que no início do século XX, medidas desta natureza constituíam um conjunto notável de feitos.

Assim, quando em 1971, João Cândido Belo e Companhia, Lda. veio a adquirir a Camionagem Ribatejana, Lda, a empresa contava já com uma frota de 70 autocarros que percorriam toda a zona centro do País, numa prova evidente da capacidade de trabalho e da gestão dedicada do seu fundador, conjuntamente com os seus dois filhos, Manuel Roque Dias e José Torgal Roque Dias.

À actividade de camionagem, suceder-se-ia o investimento em novas áreas de negócio, dando lugar, logo em Setembro de 1971, à constituição de uma nova empresa: a “Roques, Lda”, gerida por elementos da terceira geração da família – José Manuel Roque e José Alberto Roque – e vocacionada para a comercialização de viaturas e equipamentos.

Herdeira de parte do património imobiliário da sua antecessora a Roques, Lda. seria ainda a sucessora da distribuição dos automóveis Renault, anteriormente detida pela Camionagem Ribatejana, enquanto sócia da UTIC – empresa a quem cabia, então, a distribuição exclusiva desta marca em Portugal. A par com esta representação, destacava-se ainda a dos ralentizadores para camiões do fabricante espanhol Iruña, enunciando desde logo a tendência para a expansão naquelas que viriam a ser as principais áreas de actividade da empresa.

Hoje, o grupo Roques encontra-se dividido em Roques VT, SA. – que detém regionalmente a distribuição da marca Renault ao nível da venda e assistência – e Roques CVES, Lda. – especializada na comercialização e assistência de viaturas pesadas e equipamentos. Após portanto 30 anos de contínuo e sustentado crescimento, assente numa visão estratégica de reinvestimento dos resultados e numa vontade permanente de trazer para Portugal soluções e equipamentos inovadores, Roques é hoje um assinalável grupo empresarial, destacando no tecido empresarial nacional e no Distrito de Santarém em particular.

Contacte-nos

Deixe-nos uma mensagem. Responderemos assim que possível.